R. Vinte e Seis de Agosto, 83
Centro - Campo Grande - MS
67 3382-4835

 
 

Dona Conceição deixa legado importante para empresários da categoria

Publicado em 14/03/2016 10h48
 
Wilson Aquino e Conceição Nunes Rondon em umas das reuniões da categoria Wilson Aquino e Conceição Nunes Rondon em umas das reuniões da categoria

No mês de janeiro perdemos uma grande defensora da categoria. Conceição Nunes Rondon, proprietária da Autoescola Perpétuo Socorro, faleceu em Campo Grande aos 76 anos. Ela dividiu a sua vida entre o trabalho e a família e deixou sua marca registrada na história da criação do sindicato. Na sua trajetória, grandes conquistas.

Conceição foi pioneira nas questões sindicais da categoria em Mato Grosso do Sul e fez parte do primeiro grupo formado por empresários de autoescolas e que conquistou o título de associação. Teve o apoio do também empresário e amigo Wilson de Aquino e juntos deram a largada em defesa da classe. Poucos sabem, mas ela também pode ser considerada fundadora da Feneauto (Federação Nacional das Auto Escolas CFCs), hoje um importante e respeitado órgão que nos representa nacionalmente, pois teve participação ativa na formação da federação.

Foram 26 anos de trabalho dedicados a associação até atingir o status de sindicato. Na época, dos anos 70 aos 90, mesmo sem estrutura nem condições financeiras o grupo conseguiu grandes conquistas, organizavam reuniões em lugares improvisados, realizavam cursos e convocavam os demais empresários para participarem. Conceição era movida pela vontade de melhorar as condições de trabalho e, principalmente, fazer com que a categoria atingisse maior grau de respeito e importância na sociedade. Firme em suas ideias, ajudou a criar o então SindCFC-MS, hoje referência em todo o Brasil.

Em nome de toda diretoria, o atual presidente do SindCFC-MS, lembrou da sua trajetória. "Conceição foi uma mulher forte, de personalidade e cumpriu muito bem o seu papel como empresária. Junto com um grupo especial de donos de autoescolas, deu o pontapé inicial dos trabalhos do sindicato. Eram tempos difíceis e eles foram vitoriosos. Hoje estamos aqui com essa estrutura graças a iniciativa deles, estamos colhendo os frutos, somos gratos por isso", comentou.

Conceição Nunes Rondon era uma mulher ousada, estava sempre à frente do seu tempo e foi proprietária da primeira autoescola do Estado, motivo de orgulho para toda a família.

Seja o primeiro a comentar!

Restam caracteres. * Obrigatório
Digite as 2 palavras abaixo separadas por um espaço.